Mokonzi Agawa

Mokonzi é um jovem congolês natural de Kinshsa, capital da RDC, tem 25 anos, é solteiro, e está no Brasil há 4 meses.

Candidato relata que veio ao Brasil por incentivo de seu irmão, que está aqui há 5 anos. Através de reunião familiar, Mokonzi conseguiu o visto para o Brasil.

Diz ainda durante a entrevista seletiva, que está adaptando-se a nova vida, nova cultura, mas que sente-se muito bem aqui no Brasil. 

Mokonzi conta que no Congo, as dificuldades são muito grandes, em função das políticas econômicas e sociais injustas e ineficientes. 

Fala ainda, que não há incentivo por parte do governo aos jovens como ele, que querem continuar a estudar e aprimorarse profissionalmente. "Não há trabalho, e os jovens não tem condições de estudar". Aqui no Brasil mora com seu irmão que trabalha no Departamento do Ministério do Trabalho.

No Congo está sua mãe, que tem uma ONG que acolhe mulheres com filhos abandonadas por seus parceiros, e também coordena um centro de alfabetização de crianças.

Seu pai é falecido, e deixou em seu país 1 irmão de 30 anos que é jornalista, e 2 irmãs, de 40 anos que é enfermeira, e a outra de 30 anos.

Mokonzi busca sua primeira oportunidade de trabalho no Brasil.